Egregora

Egregora, segundo Atir é uma forma de pensamento.

Uma forma de pensamento, por assim dizer, de energia “condensada”. Essa “energia condensada” é criada por pensamentos carregados de sentimentos que adquirimos na vida e retemos, alimentando-as pela energia psíquica da mentalização de cada pessoa.

O padrão vibratório de um grupo ou de uma casa tem relação direta com a energia. Ou seja, o grau desse padrão vibratório pode refletir o estado de espírito das pessoas de um determinado grupo ou famílias.

Como a energia é dinâmica, a entrada de outras pessoas traz também outras vibrações que podem modificar àquela já existente.

O adensamento dessas camadas vibratórias no conjunto de pensamentos, sentimentos, anseios, intenções, condições físicas, psíquicas e, também, espirituais de cada um, se não dispersados pelas energias revitalizadoras das vibrações positivas superiores pode impregnar o ambiente, criando-se assim, os chamados egrégoras. Imantados aos catalizadores magnéticos com maior predisposição, no momento, para sua manifestação.

O poder da prece traz harmonia vibratória positiva para a dispersão da imantação energética em desarmonia.

 

Egrégora, ou egrégoro (do grego egrêgorein, «velar, vigiar»), é como se denomina a força espiritual criada a partir da soma de energias coletivas (mentais, emocionais) fruto da congregação de duas ou mais pessoas.
https://pt.wikipedia.org/wiki/Egrégora

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *